Quem sou eu?

A minha fotografia

Anteriormente conhecida como v_crazy_girl, a 30 de Agosto de 2014 essa conta foi apagada, tendo assim decidido criar algo mais pessoal e próprio para o blogue literário de longa data.

Na Mesa de Cabeceira...

Na Mesa de Cabeceira...
"O Amor que Nos Une" de Megan Maxwell

Passatempo

Passatempo
Resultados!

Seguidores

Com tecnologia do Blogger.

Facebook

Arquivo do Blogue

sábado, 28 de maio de 2011
Autora: Karen Marie Moning
Edição/reimpressão: 2011
Páginas: 320
Editor: Saída de Emergência
ISBN: 9789896373221

Sinopse:
Jessi St. James precisa de ter vida própria. Demasiadas horas passadas a estudar antigos artefactos provocaram na jovem arqueóloga um caso sério de obsessão por sexo. Quando vê um homem deslumbrante semi despido a fitá-la de dentro de um antigo espelho, pensa que só pode estar a sonhar. Mas numa fracção de segundo, é salva de um atentado à sua vida e vê-se a braços com um metro e noventa e oito de escaldante, insaciável macho alfa.
Herdeiro da arcana magia dos seus antepassados Druidas, Cian MacKeltar foi encurralado dentro do Espelho Negro há onze séculos. E quando o Espelho Negro é roubado, um velho inimigo tudo fará para reavê-lo. Para Jessi, o deus sexual dentro do espelho é divinamente real e oferece a sua protecção — ainda que Jessi não compreenda o porquê. Tudo o que ele quer em troca é o sublime prazer de partilhar a sua cama…


Opinião:
Jessie é uma viciada no trabalho da universidade. Tendo em mente uma promissora carreira como arqueóloga, faz tudo ao seu alcance para ser a melhor em tudo que faz. Mas quando os seus amigos começam a dizer-lhe mil e uma vezes que está a precisar de um pouco de diversão e de um homem, Jessie começa a questionar-se. Mas as suas dúvidas aumentam quando começa a ver um belíssimo homem preso dentro de um espelho que vinha como encomenda para o seu orientador de curso.

Cian é um druida. Tendo centenas de anos, foi preso dentro do Espelho Negro e desde então observa o mundo exterior do interior do espelho, tentando arranjar forma de fugir e de destruir quem lhe fez aquilo e fazer essa pessoa pagar pelos crimes do passado. Mas a coisa não é fácil quando todos que o vêem pensam que estão simplesmente cansados ou até loucos!

Mas ao conhecer Jessie ela tem uma reação diferente de todas as outras e acaba por o libertar com um feitiço druida. Mas as surpresas não terminam por aí! Cian foi dos mais poderosos druidas de sempre e um dos seus grandes poderes é obrigar as pessoas a pensar o que ele quer e a agirem como ele manda, algo que não funciona do Jessie!! Aceitando por fim ajudá-lo, Jessie acaba por se descobrir a si mesma num novo mundo, onde druidas, "viajantes do tempo" e muita mais magia existe...

Gostei! Já não lia um livrinho desta autora há algum tempo, mais ou menos desde que saiu o segundo livro dela em português (não cheguei a ler o terceiro). Foi bom recordar a maneira de escrever da autora, os personagens dos primeiros livros, relembrar a magia, os costumes e a maneira única de falar destes e dos ambientes descritos pela autora. Jessie é uma personagem determinada e destemida que embora se encontre frente a frente com um homem como Cian, aguenta-se e não aceita ser comandada por este, fazendo as suas próprias escolhas. Cian é um personagem demasiado convencido. Habituado a ser sempre obedecido e temido, quando conhece Jessie e mais tarde os seus descendentes, finalmente descobre que já não se encontra no mesmo pedestal que há muitos anos atrás, tendo a partir daí uma mudança visível de atitude.

Gostei, uma boa leitura para desanuviar e para passar um bom bocado!

0 devaneios :