quinta-feira, 27 de junho de 2019

Lago do Silêncio

Autora: Anne Bishop
ISBN: 9789897731327
Edição ou reimpressão: 10-2018
Editor: Saída de Emergência
Páginas: 416

Sinopse:
As leis humanas não se aplicam no território dos Outros. Algo que os humanos nunca devem esquecer… Depois do seu divórcio, Vicki DeVine assumiu a gestão de uma rústica propriedade perto de Lago do Silêncio, uma cidade humana que não é controlada por humanos. Na maior parte das cidades, humanos e Outros, os predadores dominantes que controlam a terra e toda a água, convivem num frágil equilíbrio. No entanto, quando não existem fronteiras, nunca se sabe o que está lá fora a observar.
Vicki estava à espera de encontrar uma nova carreira e uma nova vida. Mas quando a sua inquilina, Aggie Crowe - uma dos Outros -, descobre um cadáver, Vicki torna-se na principal suspeita, apesar das evidências de que nenhum humano poderia ter cometido o crime.
À medida que Vicki e os seus amigos procuram as respostas, forças antigas são despertadas pela perturbação no seu domínio. Elas têm regras que não devem ser quebradas - e todos os poderes destrutivos da natureza sob o seu comando.


Opinião:
Quem nunca leu Anne Bishop está a cometer o maior erro da sua vida! Sempre disse e continuo a dizer, Anne Bishop é a minha autora favorita. Adoro todos os seus livros e foi uma das autoras que mais contribuiu para o meu vício pela leitura crescer, por isso sim, está num cantinho especial do meu coração.

Neste livro, que comecei a ler sem ter visto a sinopse tal é a minha fé na autora, fiquei surpresa quando vi que os protagonistas tinha mudado e que já não tinha a Meg e o Simon a serem os fios condutores de toda a história. Afinal de contas foi um casal que desde o primeiro livro conseguíamos sentir a química deles mas que ao fim de cinco livros apenas tivemos direto a um beijo casto!! Espero bem que eles surjam de vez em quando nos próximos livros da coleção, pois quero mesmo saber mais sobre eles enquanto casal.

Passando para a história em si, seguimos Vicky, uma humana na casa dos 30 que após o divórcio ficara com uma antiga casa na zona do Lago do Silêncio. Fiel e cumpridora ao que lhe tinha sido dito, Vicky decide restaurar a casa, mas apenas na medida do necessário mantendo toda a natureza em seu redor limpa e natural. Assim que conseguira, com imenso esforço, realizar o restauro de toda a habitação, abre-a como uma residencial, o seu novo meio de sobrevivência. 

Num mundo em que a existência dos Outros é sabida por todos os Humanos, Vicky começa a perceber que está rodeada de Outros assim que uma das suas hospedes coloca um olho humano num microondas para ficar mais delicioso! Alarmada de imediato, Aggie que acabara de encontrar o olho que lhe parecera delicioso, não compreende a surpresa da humana, especialmente porque não magoara ninguém para obter o manjar... Na realidade a pessoa a quem pertencera o olho já não precisava dele. Esta "simples" situação leva Vicky por caminhos que esta não conhece, começando a deparar-se com criaturas que apenas pensava existirem em sonhos (e algumas em pesadelos).

Tudo isso acontece em simultâneo com o seu ex marido estar a todo o custo a tentar recuperar o terreno que lhe tinha deixado após o divórcio, levando Vicky a um estado de nervos que nunca pensara ser possível.

Este livro tem de tudo... romance, mistério, assassínio, drama... TUDO! Sempre gostei dos livros de Anne Bishop e a realidade é que esta nunca me deixou mal e este é outro que tal. Apesar de querer saber mais sobres as personagens dos 5 primeiros livros da saga, fiquei apaixonada pelas personagens desde, especialmente por Aggie e Ilya, e durante a leitura nunca pensei nos protagonistas anteriores, o que é muito bom sinal! Neste a autora agarrou em diversas personagens que já conhecíamos e aprofundou-as, o que foi delicioso!

Um livro que recomendo, uma saga que adoro e uma autora que nunca me desilude!!

2 devaneios:

Ana disse...

Já li todos os livros desta autora adorei espero pelo próximo.
Se gostou desta autora devia ler Julliet Marrilier muito bom também especialmente a primeira triologia.

Vanessa Montês [Bloco de Devaneios] disse...

Adoro Julliet Marrilier, li a trilogia SeveWaters antes sequer de ler este!! :D

Publicar um comentário