Quem sou eu?

A minha fotografia

Anteriormente conhecida como v_crazy_girl, a 30 de Agosto de 2014 essa conta foi apagada, tendo assim decidido criar algo mais pessoal e próprio para o blogue literário de longa data.

Na Mesa de Cabeceira...

Na Mesa de Cabeceira...
"Se Eu Fosse Tua" de Meredith Russo

Passatempo

Passatempo
Resultado!!

Seguidores

Com tecnologia do Blogger.

Facebook

Arquivo do Blogue

terça-feira, 16 de outubro de 2012
Título: Cada dia, cada hora
Autor: Nataša Dragnić
Tradução: Pedro Garcia Rosado
Págs.: 256
PVP: 15,50 €

Como nos versos de Pablo Neruda, Dora e Luka sentem, "cada dia, cada hora", estar destinados um ao outro. Em crianças eram inseparáveis, até ao momento em que a família de Dora parte da pequena cidade croata onde viviam. Dezasseis anos mais tarde, o destino volta a uni-los, desta vez em Paris. É evidente que foram feitos um para o outro, mas a vida encarrega-se de separar os seus caminhos. Cada dia, cada hora é a história de um amor atemporal e único, tão poético e comovente como a voz em que é narrado. Desde a costa do Adriático até aos teatros de Paris, o romance de Dora e Luka faz-nos sonhar com os amores perdidos ao longo da vida e devolve-nos a esperança num final feliz. 

Primeiras páginas disponíveis aqui.


Nataša Dragnić nasceu na cidade croata de Split, em 1965. Depois de estudar Filologia Românica e Alemã em Zagreb, frequentou o curso de estudos Diplomáticos. Vive desde 1994 em Erlangen, na Alemanha, onde é professora de Línguas e Literatura. Cada dia, cada hora, o seu romance de estreia, está publicado em 25 países.
Mais informações disponíveis em http://natasa-dragnic.de/

0 devaneios :