Quem sou eu?

A minha fotografia

Anteriormente conhecida como v_crazy_girl, a 30 de Agosto de 2014 essa conta foi apagada, tendo assim decidido criar algo mais pessoal e próprio para o blogue literário de longa data.

Na Mesa de Cabeceira...

Na Mesa de Cabeceira...
"A Química do Amor" de Emily Foster

Passatempo

Passatempo
Até 24 de dezembro

Seguidores

Com tecnologia do Blogger.

Facebook

Arquivo do Blogue

sexta-feira, 2 de setembro de 2011
Para a nova estação que se aproxima, a Editora Objectiva preparou o lançamento de vários livros, entre os quais são de destacar “O filho de mil homens”, de Valter Hugo Mãe, uma história impregnada de aceitação, centrada num homem que chega aos 40 anos sem descendência. Revelando a apurada sensibilidade do autor, esta obra com a chancela da Alfaguara tem por temas o amor, a paternidade e a família.

Da autoria de Ana Zanatti, com ilustrações de Storytailors, sob o título “Teodorico e as Mães Cegonhas” e com o selo Alfaguara Infantil & Juvenil será também brevemente lançado este livro de aventuras em que um bebé abandonado é acolhido por duas cegonhas.

“Caderneta de Cromos Contra-ataca”, de Nuno Markl com ilustrações de Patrícia Furtado, é outro título da Objectiva para a rentrée, continuando a saga da famosa rubrica da Rádio Comercial, focada nos “cromos” das décadas de 70 e 80.

De autores estrangeiros e sob a chancela da Alfaguara, merece especial destaque o lançamento em Portugal de “O Mapa e o Território”, do autor francês Michel Houellebecq, que lhe valeu o ano passado o Prémio Goncourt, a mais prestigiada distinção literária francesa.

“Fragmentos”, de Marilyn Monroe, 49 anos após a sua morte, é um livro com o selo da Objectiva que reúne excertos dos seus diários, iniciados quando tinha 17 anos e mantidos até aos seus 36 anos, idade em que veio a falecer.

Também com a chancela da Objectiva, será brevemente editada a obra “O crepúsculo de um ídolo”, do filósofo francês Michel Onfray, que põe em causa Freud, defendendo que o “pai” da Psicanálise transformou os seus próprios instintos e necessidades fisiológicas numa doutrina com pretensão de ser universal.

De Nelson Mandela serão publicados dois títulos: “As mais belas fábulas africanas” e “Nelson Mandela by Himself”. O primeiro, com o selo da Alfaguara Infantil & Juvenil, é uma resenha de contos da tradição oral africana, herdados dos povos San e Khoi, tão antigos quanto a própria África. O segundo, sob a chancela da Objectiva, é um livro de citações deste grande líder contemporâneo. Reunidas através de acesso privilegiado e autorizado ao vasto arquivo pessoal de Mandela de notas pessoais, discursos, correspondência e gravações áudio, as 2.000 citações encontram-se organizadas em mais de 300 categorias.

Da premiada autora finlandesa Sofi Oksanen, “A purga” é outro dos livros a serem brevemente lançados pela Editora Objectiva. Este, com o selo da Alfaguara, é uma história de amor em tempos de medo e opressão, cuja acção decorre na Estónia, no ano de 1992, depois do país ter sido liberto dos “grilhões” da URSS.

A Editora Objectiva, Divisão Literária do Grupo Santillana em Portugal, tem como marcas registadas a Arena, Alfaguara, Suma de Letras, Objectiva, e Alfaguara Infantil & Juvenil.
Retirado do Blog da Editora Objectiva

0 devaneios :