Quem sou eu?

A minha fotografia

Anteriormente conhecida como v_crazy_girl, a 30 de Agosto de 2014 essa conta foi apagada, tendo assim decidido criar algo mais pessoal e próprio para o blogue literário de longa data.

Na Mesa de Cabeceira...

Na Mesa de Cabeceira...
"A Química do Amor" de Emily Foster

Passatempo

Passatempo
Até 24 de dezembro

Seguidores

Com tecnologia do Blogger.

Facebook

Arquivo do Blogue

segunda-feira, 29 de outubro de 2012
Autora: Fern Michaels
Edição/reimpressão: 2011
Páginas: 304
Editor: Editorial Presença
ISBN: 9789722344098
Coleção: Champanhe e Morangos

Sinopse:
Uma Mulher de Sonho é um livro que nos conta a história de Rosie Gardener, uma mulher que, já nos trinta e com excesso de peso, se deixa seduzir pelo mulherengo Kent Bliss. Apesar dos avisos bem-intencionados de Vickie, a sua melhor amiga, Rosie acaba mesmo por casar com Kent, e o desastre confirma-se.
Humilhada pelo desprezo do marido ao longo de três dolorosos anos de casamento, Rosie reúne finalmente coragem para o mandar embora. Só que, por um capricho do acaso, exatamente no dia em que toma esta difícil decisão ganha 302 milhões de dólares num bilhete de lotaria…


Opinião:
A sinopse deste livro chamou-me imenso a atenção, pois normalmente as personagens dos livros são perfeitas e achei graça ao facto de neste romance ser totalmente o contrário, uma mulher normal a tentar melhorar.

Rosie nunca fora uma mulher magra. É verdade que antes também não era propriamente gorda, mas desde que casara engordara de tal forma que conseguira ultrapassar os 100 quilos. Rosie havia casado com Kent, um homem belíssimo que a deixava derretida, embora a sua melhor amiga Vickie dissesse que ele apenas queria o seu dinheiro! Mas Rosie, cega por pensar ter sido finalmente aceite e amada por alguém tão lindo e maravilhoso como Kent ignora a sua melhor amiga, chama-lhe invejosa e corta todos os laços de amizade que tinha com esta. Mas passados vários anos Rosie relembra esse momento amargamente. Agora consegue ver no olhar de Kent como o enjoa, como ele tem nojo dela e como a odeia, pois este nem se dá ao trabalho de esconder o facto de não gostar nem um bocadinho dela e que apenas gosta do dinheiro e das prendas caras que ela lhe dá na esperança que o olhar doce que Kent lhe dispensava volte.

Mas um dia, no seu aniversário de casamento Rosie farta-se finalmente. Para não variar Kent acorda, olha com nojo para a esposa e nem se lembra do seu aniversário de casamento. Farta, Rosie faz-lhe um ultimado, ou está a casa a horas para o jantar, às 19h em ponto, ou é posto fora de casa (afinal a casa era apenas de Rosie, Kent nunca havia contribuído nem um cêntimo para ela). Levando tal ameaça na brincadeira, pois Rosie fazia-a inúmeras vezes, Kent sai de casa e não volta à hora de jantar. E quando regressa encontra uma Rosie decidida com as suas malas prontas para serem levadas! Kent não quer acreditar que a gorda da sua mulher o está a meter fora de casa e atira-lhe à cara como é feia, gorda e disforme e nenhum homem quererá estar com ela e morrerá sozinha. Embora magoada, Rosie mantem-se firme e manda-o embora para sempre.

Após esta decisão decide também mudar a sua vida para melhor, começando por estar mais activa, contratando um treinador pessoal para perder peso e voltando a dar-se com as inúmeras pessoas com quem tinha cortado contacto após o casamento. É aí que a sua vida começa a mudar, embora com a sombra constante do seu antigo marido que não a larga! Será que Rosie conseguirá mudar a sua vida?

Gostei deste livro. Embora seja um livro levezinho, é uma boa leitura para um dia cansativo e tem um história inspiradora. Rosie é uma mulher inteligente, forte e decidida, mas que adora comida e quando está deprimida esta ainda lhe chama mais a atenção. Devido ao seu casamento falhado come para afogar as mágoas e acaba por pensar sempre apenas no bem estar do marido e nunca no seu. Depois de muito lhe darem na cabeça finalmente percebe que o marido não a ama e muda finalmente de vida, tornando-se numa nova mulher!

Conhecemos personagens inspiradoras, confiantes, cruéis, destemidas... Há de tudo neste pequeno livro e um turbilhão de emoções. Gostei da escrita da autora mas achei que um grande problema da história foi o final. Achei-o demasiado forçado. O "mau da fita" não tem um final merecido, tem um final demasiado cor de rosa, e há certas coisas que não achei muita graça ao longo da história, embora no total até tenha sido uma leitura agradável.

Um livro para os mais românticos que querem um livro inspirador mas de leitura leve.

0 devaneios :