Quem sou eu?

A minha fotografia

Anteriormente conhecida como v_crazy_girl, a 30 de Agosto de 2014 essa conta foi apagada, tendo assim decidido criar algo mais pessoal e próprio para o blogue literário de longa data.

Na Mesa de Cabeceira...

Na Mesa de Cabeceira...
"Se Eu Fosse Tua" de Meredith Russo

Passatempo

Passatempo
Resultado!!

Seguidores

Com tecnologia do Blogger.

Facebook

Arquivo do Blogue

sexta-feira, 7 de dezembro de 2012
Autora: Madeline Hunter
Edição/reimpressão: 2012
Páginas: 368
Editor: Edições Asa
ISBN: 9789892318462

Sinopse:
Diane Albret é órfã e passou a maior parte da sua vida num colégio interno. Sem mais família, está habituada a receber apenas uma visita: Daniel St. John, o seu irresistível tutor. Ao longo do tempo, ele visitou-a sempre uma vez por ano. Mas o seu mais recente encontro reserva-lhe uma surpresa: Daniel esperava encontrar uma menina e Diane é já uma bela e carismática mulher. Ele aceita retirá-la da clausura do colégio e levá-la consigo para Londres. Porém, ambos têm planos que preferem manter em segredo. 
Diane está decidida a descobrir o que se passou com a sua família, que nunca chegou a conhecer. Só Daniel pode revelar o que ela tanto deseja saber, mas ele tudo fará para que o passado permaneça secreto, pois os seus efeitos representam uma ameaça fatal para a vida de ambos. Por seu lado, Daniel está subtilmente a usar a inocência da sua protegida para uma vingança que planeia há mais de uma década. 
Mas a crescente proximidade entre ambos ameaça dificultar-lhes os planos e, pouco a pouco, eles apercebem-se de que têm mais em comum do que julgavam. Poderá um novo amor triunfar sobre ódios antigos?


Opinião:
Diane viveu grande parte da sua vida num colégio interno e acaba por desenvolver um grande desejo de liberdade e por sair finalmente daquele lugar! É uma pessoa solitária que por uma lado não sabe o que aconteceu concretamente à sua família e por outro apenas sabe que a única visita que tem deste sempre é de Daniel St. John, o seu tutor, que paga a sua "estadia" no colégio e a vai visitar uma vez por ano. É então que num dia como qualquer outro, uma das freiras descobre na posse de Diane um livro pouco ortodoxo e contacta o seu tutor. Diane quase que morre por dentro ao descobrir isso. Apesar de saber que é aquele homem que lhe paga as contas para poder continuar a ter casa, por outro lado sente-se insegura em relação ao que este poderá fazer ao descobrir o porquê de ter sido chamado. E quando o vê ainda mais insegura fica, pois Daniel é um homem lindíssimo, forte e que deixa todas as mulheres a comerem-lhe da mão, inclusive as freiras onde ela vive. Nunca revelando a verdade de como aquele livro lhe viera parar à mão, é decidido que tem que ser castigada, com uns quantos tabefes. Mas o que não esperava era a meio desse tratamento Daniel dizer para pararem, e deixarem-nos a sós, sendo aí a primeira vez que olha realmente para ela percebendo que não era tão nova como pensara, e levando-a dali naquele mesmo instante.

Sendo retirada do seu cativeiro, Diane faz com que Daniel lhe prometa que apenas a ajudará no início até ela se ambientar àquela nova vida, mas que mal ela consiga emprego a deixará viver como quer. Contrariado, acaba por aceitar, sem saber que os verdadeiros planos de Diane é conhecer a sua família, uma família que não conhece e que deseja conhecer. Já Daniel também a está a usar para prosseguir os seus planos de vingança. Uns planos há muito estudados e que merecem o máximo da atenção dele. Algo que perseguiu a vida inteira e que quer terminar.

Sinceramente fiquei surpreendida pela positiva com este livro. Tinha saudades de um livro assim da parte de Madeline Hunter, um livro que não fala só de sexo mas que tem um bom romance da parte de trás, embora continuem sem faltar aquelas cenas mais quentes entre os personagens. É um livro com uma história interessante e personagens fortes, especialmente a personagem feminina, Diane. Uma órfã que não sabe a verdade sobre a sua família e acaba por descobrir que muitos segredos rodeiam o seu passado. Um livro com a escrita fabulosa com que a autora sempre nos habituou, mas desta vez com mais história do que os últimos livros que li dela. Com personagens mais aprofundadas e verdadeiras. Com um verdadeiro trama por trás.

Sem dúvida que gostei!

0 devaneios :