Quem sou eu?

A minha fotografia

Anteriormente conhecida como v_crazy_girl, a 30 de Agosto de 2014 essa conta foi apagada, tendo assim decidido criar algo mais pessoal e próprio para o blogue literário de longa data.

Na Mesa de Cabeceira...

Na Mesa de Cabeceira...
"A Derradeira Ilusão" de Diane Chamberlain

Passatempo

Passatempo
Resultado!!

Seguidores

Com tecnologia do Blogger.

Facebook

Arquivo do Blogue

domingo, 12 de julho de 2015
Autora: Colleen Hoover
Edição/reimpressão: 2015
Páginas: 288
Editor: TopSeller
ISBN: 9789898800572

Sinopse:
Tate é enfermeira e muda-se para São Francisco, para casa do irmão Corbin, para estudar e trabalhar. Miles é piloto-aviador e mora no mesmo prédio de Corbin. Depois de se conhecerem de forma atribulada, Tate e Miles acabam por se aproximar e dar início a uma relação exclusivamente física. Para que esta relação exista, Miles impõe a Tate duas regras:
«Não faças perguntas sobre o meu passado. Não esperes um futuro.»
Tate aceita o desafio de manter uma relação distante, sem nenhum compromisso, nem sequer o da amizade. A relação alimenta-se assim da atração mútua entre os dois.
Miles nunca fala de si nem do seu passado, e comporta-se perante Tate de acordo com as regras que ele definiu. Será Miles capaz de desvendar o que se esconde por detrás desta necessidade tão grande de se distanciar emocionalmente dos outros?
E poderá algo tão cruel transformar-se numa relação bonita e duradoura?


Opinião:
Sempre que leio algo desta autora fico presa na narrativa do início ao fim e não consigo parar enquanto não vejo que todos estão felizes e descubro o que se passara no passado das personagens. Porque esta é uma daquelas autoras que apesar de eu devorar sempre os seus livros como se fossem novidade, na realidade a história de fundo acaba por ser muito parecida de livro para livro. Dois jovens, rapaz e rapariga, que se conhecem e que acabam por se ajudar mutuamente a ultrapassar os fantasmas do passado.

Tate encontra-se a estudar para tirar o mestrado enquanto trabalha. Arranja emprego em São Francisco e, como irmão já lá mora, junta o útil ao agradável e acaba por se mudar para sua casa. No primeiro dia, Tate tem o azar de ter a entrada da casa barrada com um rapaz que se encontrava totalmente bêbedo! Conseguindo fugir a esse homem e entrar em casa, liga preocupada para o irmão que depois de umas chamadas lhe diz que o rapaz alcoolizado era seu amigo, pedindo-lhe para cuidar dele durante a noite. Tate leva assim o tal rapaz, de seu nome Miles, para casa do irmão, acabando por passar toda a noite acordada ao seu lado. Afinal de contas Miles não parava de gritar e de chorar e Tate não o conseguira deixar sozinho.

Miles é um piloto tal como o irmão. Mora numa casa desprovida de vida, onde a cama e o balcão da cozinha são dos poucos investimentos. Acaba por gostar de Tate e de passar tempo com ela, mas tenta a todo o custo manter-se longe desta nova inquilina, mostrando-se distante e por vezes até mesmo antipático. Mas por alguma razão Tate não se afasta. Tate continua a tentar aproximar-se de Miles e a tentar descobrir o que acontecera no seu passado que o traumatizara daquela forma...

Mais uma vez a autora surpreendeu-me. Tal como referi é uma autora que, de antemão, já sabemos mais ou menos o que irá escrever. Mas mesmo assim é nos pormenores que esta surpreende. Apesar de sabermos que algumas das personagens teriam que ter os seus fantasmas passados, nunca sabemos o porquê desses fantasmas, pois a autora consegue criar novos de livro para livro. E por norma estes não são fantasmas "simples", são histórias até mesmo complicadas e intrigantes, em que o próprio leitor sente dor apenas de ler o que acontecera.

Miles é um daqueles personagens que qualquer leitora feminina romântica gosta. O típico rapaz misterioso, giro e com um corpo uau!. Um piloto de poucas palavras mas que aos poucos se vai abrindo com Tate, deixando-a entrar no seu mundo. É nos pequenos gestos que suspiramos, que sabemos que ele é mais do que aquilo que quer transparecer. Tate por sua vez é uma personagem forte e que acaba por ficar caidinha por Miles, embora a primeira impressão deste não tenha sido a melhor. Acaba por conhecer lentamente aquele estranho amigo do irmão e percebe que há mais na sua história do que inicialmente conta e que, para conseguir estar com ele, tem que conseguir que ele se abra consigo.

Um livro que gostei e uma autora que adoro. Espero que a TopSeller continue a publicar livros seus.

0 devaneios :