Quem sou eu?

A minha fotografia

Anteriormente conhecida como v_crazy_girl, a 30 de Agosto de 2014 essa conta foi apagada, tendo assim decidido criar algo mais pessoal e próprio para o blogue literário de longa data.

Na Mesa de Cabeceira...

Na Mesa de Cabeceira...
"Prometes Amar-me?" de Monica Murphy

Passatempo

Passatempo
Até 23 de Julho

Seguidores

Com tecnologia do Blogger.

Facebook

Arquivo do Blogue

quarta-feira, 20 de abril de 2011
Autora: Melissa Marr
Edição/reimpressão: 2010
Páginas: 288
Editor: Saída de Emergência
ISBN: 9789896372583
 
Sinopse:
REGRA # 3:
Não olhar para fadas invisíveis.

Desde que nasceu, Aislinn sempre viu fadas. Poderosas e perigosas, elas caminham ocultas entre os mortais. Aislinn tenta passar despercebida pois estes seres não gostam de ser descobertos e costumam castigar com crueldade as pessoas que detectam a sua presença.

REGRA # 2:
Não falar com fadas invisíveis.

Agora as fadas perseguem Aislinn. O rei das fadas Keenan, aterrorizante e sedutor, tenta cativar Aislinn, fazendo perguntas que ela tem medo de responder.

REGRA # 1:
Nunca chamar a atenção delas.

Agora é tarde demais… Keenan, o Rei do Verão anda numa busca incansável pela sua rainha há nove séculos e está determinado a converter Aislinn na sua rainha a qualquer custo.
Quando as regras secretas que sempre a tinham protegido deixam de funcionar, de repente está tudo em risco: a sua liberdade; o seu melhor amigo, Seth; a sua vida; tudo. Intrigas sobrenaturais, amores mortais, e confrontos entre reis antigos e expectativas modernas cruzam-se no enredo deste espantoso conto de fadas que Melissa Marr imaginou para o século vinte e um.
 
 
Opinião:
Aislinn é diferente, consegue ver fadas! Seguindo deste sempre as três regras fundamentais, aprendeu a ignorá-las e a nunca demonstrar essa sua habilidade, para seu próprio bem... Durante anos tudo parece estar bem, as regras funcionavam, Aislinn cumpria-as e seguia uma vida minimamente normal. Mas as coisas complicam quando chama a atenção de uma fada, e não é uma qualquer, é o Rei do Verão, uma das Fadas mais poderosas.

Poderia nem ser um grande problema, afinal de contas as fadas são boas certo? Errado, neste livro as fadas são seres vis e cruéis, que fazem tudo para sua própria satisfação, tendo como um dos seus passatempos favoritos estragar a vida dos humanos e pregar-lhes inúmeras partidas. Sabendo isso Aislinn fica super preocupada quando chama a atenção de uma delas e ainda mais preocupada fica ao saber a identidade da fada e que ela própria é uma das eleitas para ser a Rainha do Verão, havendo apenas uma forma de descobrir tal, algo que ou a transforma numa fada ou a poderá matar!

Gostei deste livro, foi sem dúvida uma surpresa agradável. Num mundo em que as fadas estão cada vez mais a substituir os vampiros, por vezes é complicado ver coisas novas, mas a autora criou uma nova mitologia, fadas fracas ao aço, bálsamos especiais, o como aparece a Rainha do Verão... A escrita é fácil de seguir, mais indicada para young adults, mas que consegue captar a atenção de qualquer um. Personagens com personalidades distintas, com os seus medos e forças, que mentem para seu bem mas que sentem arrependimento...

Apenas posso dizer que mal consiga meter as mãos no próximo livro da desta saga (que já saiu e que se chama "Tatuagem") irei lê-lo de imediato.

0 devaneios :