Quem sou eu?

A minha fotografia

Anteriormente conhecida como v_crazy_girl, a 30 de Agosto de 2014 essa conta foi apagada, tendo assim decidido criar algo mais pessoal e próprio para o blogue literário de longa data.

Na Mesa de Cabeceira...

Na Mesa de Cabeceira...
"Desejo Concedido" de Megan Maxwell

Passatempo

Passatempo
Até 3 de Setembro

Seguidores

Com tecnologia do Blogger.

Facebook

Arquivo do Blogue

sexta-feira, 10 de fevereiro de 2012
Este livro inclui dez histórias de amor portuguesas. Algumas mais distantes no tempo e, por isso, sendo baseadas em dados históricos, podem envolver-se numa atmosfera de lenda. No entanto, a maioria destas histórias são romances vividos no século XX e alguns permanecem até hoje. Seja pelas peripécias que envolvem várias destas paixões, seja pela relevância pública dos seus intervenientes, estas são algumas das grandes histórias de amor portuguesas.

D. Pedro e D. Inês - Naquele reino maior do que o tempo
Dinamene e Camões - O nome sepultado nas águas
Maria de Jesus e Salazar - Nenhum amor
Vieira da Silva e Arpad Szenes - Sensações da luz
Francisco Sá carneiro e Snu Abecassis - Para além das razões de Estado
Ruth Bryden e Paulo Oliveira - Travestidos de adeus
Fernanda Alves e Ernesto Sampaio - Ainda se morre de amor em Portugal
Maria Isabel e Manoel de Oliveira - Longa-metragem
Pilar del Rio e José Saramago - Para uma segunda vida


Alexandre Borges é natural de Angra do Heroísmo. Licenciado em Filosofia, mestre em Estética e Filosofia da Arte, é jornalista e guionista. Integrou a equipa do programa da RTP1 «Prós e Contras», fez parte da equipa de criativos do «Zapping», na RTP2 e participou em séries da RTP e da SIC.
Menção honrosa no Prémio de Poesia Guerra Junqueiro, em 1977, ganhou, em 1999, o segundo prémio de ficção do concurso Novos Escritores, Novos Leitores, das Bibliotecas Municipais de Lisboa. Figura na Antologia Una Ventana a la Nueva Poesía Portuguesa, da editora mexicana Desierto.

0 devaneios :