Quem sou eu?

A minha fotografia

Anteriormente conhecida como v_crazy_girl, a 30 de Agosto de 2014 essa conta foi apagada, tendo assim decidido criar algo mais pessoal e próprio para o blogue literário de longa data.

Na Mesa de Cabeceira...

Na Mesa de Cabeceira...
"Se Eu Fosse Tua" de Meredith Russo

Passatempo

Passatempo
Resultado!!

Seguidores

Com tecnologia do Blogger.

Facebook

Arquivo do Blogue

sexta-feira, 10 de fevereiro de 2012
Este livro inclui dez histórias de amor portuguesas. Algumas mais distantes no tempo e, por isso, sendo baseadas em dados históricos, podem envolver-se numa atmosfera de lenda. No entanto, a maioria destas histórias são romances vividos no século XX e alguns permanecem até hoje. Seja pelas peripécias que envolvem várias destas paixões, seja pela relevância pública dos seus intervenientes, estas são algumas das grandes histórias de amor portuguesas.

D. Pedro e D. Inês - Naquele reino maior do que o tempo
Dinamene e Camões - O nome sepultado nas águas
Maria de Jesus e Salazar - Nenhum amor
Vieira da Silva e Arpad Szenes - Sensações da luz
Francisco Sá carneiro e Snu Abecassis - Para além das razões de Estado
Ruth Bryden e Paulo Oliveira - Travestidos de adeus
Fernanda Alves e Ernesto Sampaio - Ainda se morre de amor em Portugal
Maria Isabel e Manoel de Oliveira - Longa-metragem
Pilar del Rio e José Saramago - Para uma segunda vida


Alexandre Borges é natural de Angra do Heroísmo. Licenciado em Filosofia, mestre em Estética e Filosofia da Arte, é jornalista e guionista. Integrou a equipa do programa da RTP1 «Prós e Contras», fez parte da equipa de criativos do «Zapping», na RTP2 e participou em séries da RTP e da SIC.
Menção honrosa no Prémio de Poesia Guerra Junqueiro, em 1977, ganhou, em 1999, o segundo prémio de ficção do concurso Novos Escritores, Novos Leitores, das Bibliotecas Municipais de Lisboa. Figura na Antologia Una Ventana a la Nueva Poesía Portuguesa, da editora mexicana Desierto.

0 devaneios :