Quem sou eu?

A minha fotografia

Anteriormente conhecida como v_crazy_girl, a 30 de Agosto de 2014 essa conta foi apagada, tendo assim decidido criar algo mais pessoal e próprio para o blogue literário de longa data.

Na Mesa de Cabeceira...

Na Mesa de Cabeceira...
"O Amor que Nos Une" de Megan Maxwell

Passatempo

Passatempo
Resultados!

Seguidores

Com tecnologia do Blogger.

Facebook

Arquivo do Blogue

quarta-feira, 5 de setembro de 2012
Autora: Tara Moore
Edição/reimpressão: 2012
Páginas: 440
Editor: Quinta Essência
ISBN: 9789897260049

Sinopse:
O Baile do Solstício de Verão dos Granville é sempre inesquecível. Todas as pessoas importantes da sociedade irlandesa reúnem-se em Carrickcross House - a propriedade rural da família - para uma noite de folia. Mas este ano a noite é muito especial: a matriarca Honoria vai anunciar o noivado do seu neto Rossa com Ashling Morrison. Ashling está delirante. Alto, moreno e bonito, Rossa é o partido perfeito, mas será demasiado bom para ser verdade? Por que motivo está Honoria tão interessada em fazer Ashling - enteada da sua arqui-inimiga Coppelia - parte do clã Granville? Poderá Carrick, o irmão de Rossa, manter a sua posição como herdeiro legítimo? E o que fará a implacável Coppelia? Com a promessa de convidados distintos, bebidas, danças e assassínio... será um solstício de verão inesquecível!


Opinião:
Comecei a ler este livro a pensar que me iria deparar com um romance mais leve, onde simplesmente um casal lutaria para ficar junto. Mas afinal não foi isso que encontrei... encontrei  muito mais do que isso, muito mais do que estava à espera!

Aishling é uma apaixonada por fotografia que vive feliz enquanto dá tudo por tudo no seu trabalho! E mais feliz fica quando o seu namorado, o delicioso e rico Rossa Granville, a pede em casamento. Aishling sabe que o ama como nunca amou ninguém, não estando com ele por o dinheiro ou pela fama, mas sim pela pessoa que descobriu em Rossa... ou que acha que descobriu. Todos os anos a família Granville dá uma grande festa, conhecida como o Baile do Solstício de Verão dos Granville e nesse ano a patriarca da família decide que a festa serviria para anunciar o noivado do seu neto. Tendo feito tal acção nas costas dos noivos, Aishling fica preocupada com o que a sua madrasta poderia pensar de ser assim avisada do nada, por pessoas que nunca ouviu falar, que a sua "filha" ia casar com um rapaz de que nunca tinham falado.

Mas o que parecia uma simples festa de noivado acaba por se mostrar um verdadeiro jogo. Desde segredos do passado, a segredos futuros que põem em risco a vida de diversas pessoas, acabamos por descobrir uma família que por muito feliz que pareça, acaba por se mostrar mesquinha e com demasiados segredos muitíssimo perigosos.

É impossível fazer um resumo que faça jus a este livro. Porquê? Porque este livro é cheio de histórias paralelas. Enquanto de um lado Aishling se debate com os seus sentimentos, Rossa só pensa na amante, Coppelia e Honoria desvendam mistérios do passado e lutam pelo futuro, os gémeos mostram-se criaturas desumanas e sem um pingo de sanidade, e muitas outras coisas ocorrem todas ao mesmo tempo de uma forma muito interessante! O livro tem um ritmo corrente, há mistério por toda a parte e queremos sempre continuar a ler para descobrir o que se vai passar. 

Embora o livro no início nos mostrar um homicídio, sendo a acção grandemente guiada sempre com o pensamento "quem é o assassino", chega a uma altura que tal é simplesmente segundo plano (senão mesmo terceiro ou quarto plano), acabando pelo assassínio ser o fio da acção mas um fio muito ténue, onde o passado e futuro das personagens é o mais importante e o mais surpreendente.

É daqueles livros que acho muito difícil comentar porque tem tantas história diferentes a ocorrer em simultâneo, acabando por se interlaçarem todas numa só, que em cada página há algo novo, uma revelação surpreendente! E no final do livro acreditem, houve revelações que em não estava nada à espera!

Sem dúvida um livro que superou expectativas e que aconselho!

2 devaneios :

Ines Santos disse...

Ofereci este livro à minha irmã nos anos dela... Ela já leu e vai-me emprestá-lo, ela gostou muito e pelo que li acho que também vou gostar :)


Beijinhos :)

v_crazy_girl disse...

Eu gostei imenso, muito mais do que estava à espera :D

Boas leituras!
Bjs*