Quem sou eu?

A minha fotografia

Anteriormente conhecida como v_crazy_girl, a 30 de Agosto de 2014 essa conta foi apagada, tendo assim decidido criar algo mais pessoal e próprio para o blogue literário de longa data.

Na Mesa de Cabeceira...

Na Mesa de Cabeceira...
"O Amor que Nos Une" de Megan Maxwell

Passatempo

Passatempo
Resultados!

Seguidores

Com tecnologia do Blogger.

Facebook

Arquivo do Blogue

quarta-feira, 6 de novembro de 2013
Autora: Logan Belle
Edição/reimpressão: 2013
Páginas: 328
Editor: Editorial Planeta
ISBN: 9789896574406

Sinopse:
A jovem Regina Finch adora livros e sente-se feliz porque conseguiu o seu emprego de sonho: trabalhar na New York Public Library. Mas o que parecia ser a promessa de uma rotina tranquila no meio de clássicos da literatura revela-se um irresistível jogo de sedução quando conhece o enigmático Sebastian Barnes. Um dia Regina descobre por entre os corredores do santuário bibliotecário uma tórrida cena sexual entre Sebastian e uma funcionária. Uma mistura de repulsão e desejo consome Regina e uma paixão despertará na jovem sensações jamais imaginadas. Uma tarde repara num livro sobre a vida de Bettie Page. Com estes trunfos, Regina espera descobrir a sua destreza sexual e seduzir o homem que ama.


Opinião
Depois de uma longa pausa neste género literário, recebi este livrinho e tive curiosidade em saber o que se desenrolava por aquelas páginas. Dessa forma não resisti e agarrei-me a ele com unhas e dentes e devo dizer que até gostei do que li.

Regina Finch sonha ser uma bibliotecária numa biblioteca grande e antiga. Sonho que pensa ter conseguido quando conseguira um posto na Biblioteca Pública de Nova Iorque. O que não esperava era ter sido posta de imediato no balcão da procura de livro, um dos piores postos de trabalho que ali se poderiam obter. Mas sabendo que se tinha que começar por algum lado Regina nada diz e trabalha eficientemente e até mesmo com gosto, procurando livros entre aqueles grandes e longos corredores onde o cheiro a papel antigo e conhecimento impera.

Um dia, não resistindo à sua curiosidade, acaba por entrar numa ala privada onde se encontram os volumes mais preciosos de toda a biblioteca. E o que não passava de uma curiosidade saudável em ver tais relíquias transformou-se em muito mais quando o que acaba por ver é uma sessão de sexo ao vivo.

E as coisas pioram quando descobre que o homem da sessão de sexo ao vivo era alguém que doava imenso dinheiro à biblioteca pelas suas reparações, tendo sido esse dinheiro que criara a ala de livros preciosos. Um homem que de imediato sente uma forte atracção por Regina, sendo esta atracção totalmente correspondida, mesmo sendo Regina uma pessoa tão tímida.

Devo dizer que apesar de tudo, este livro até me surpreendeu. O início de toda a acção tem uma história real sendo que as cenas de sexo são mínimas, apesar de que as que existem serem muitíssimo descritivas, algo que seria de esperar deste livro, por isso não foi uma surpresa.

A surpresa foi o primeiro facto que referi, o livro ter uma verdadeira história e um ponto de partida para a mesma. O meu grande problema com ele foi o final. Achei que o livro merecia um melhor desenvolvido, tanto da parte das personagens como da própria acção. Foi como se a autora tivesse que se despachar a terminar o livro e isso notou-se.

Um bom livro para quem gosta do género e não queira algo demasiado profundo, sendo uma muito boa leitura para relaxar.

0 devaneios :