Quem sou eu?

A minha fotografia

Anteriormente conhecida como v_crazy_girl, a 30 de Agosto de 2014 essa conta foi apagada, tendo assim decidido criar algo mais pessoal e próprio para o blogue literário de longa data.

Na Mesa de Cabeceira...

Na Mesa de Cabeceira...
"Se Eu Fosse Tua" de Meredith Russo

Passatempo

Passatempo
Resultado!!

Seguidores

Com tecnologia do Blogger.

Facebook

Arquivo do Blogue

sábado, 4 de julho de 2015
Autora: Sue Moorcroft
Edição/reimpressão: 2013
Páginas: 356
Editor: Marcador
ISBN: 9789898470706

Sinopse:
Tess Riddell considera o seu querido Land Rover Freelander mais confiável do que qualquer homem - especialmente o ex-noivo, Olly Gray. Depois deste terminar a relação por e-mail, Tess segue em frente com a vida e muda-se para um chalé perfeito no campo. Tess descobre a alegria da vida na aldeia e é lá que conhece Miles Rattenbury. Ao conversarem, descobrem que são praticamente vizinhos. Separados por todo um mundo, acabam por criar uma amizade tão intensa quanto improvável.
Porém, no momento em que a relação está prestes a tornar-se em algo mais profundo, uma velha paixão vem procurar Miles e abalar a relação…
Será o amor entre ambos forte o suficiente para ultrapassar o passado? Ou vai exigir mais do que estão preparados a dar?
Um romance comovente e divertido sobre uma mulher que aprende que é possível a vida mudar e ficar melhor.


Opinião:
Mais um livro que me chegou às mãos graças ao bookcrossing. Não resisti a lê-lo por ler críticas tão positivas, apesar de não reconhecer o nome da autora. Mas há sempre uma magia por trás de um novo autor que me fez começar a ler este livro. Aquela magia de saber se é um autor que quereria seguir ou se seria apenas mais um no meio de um mar cheio de novos autores.

Tess quer começar uma nova face da sua vida. Tendo estado noiva durante imenso tempo, uma relação que fora terminada da forma mais insensível e cobarde possível, por email, Tess sente necessidade de fugir de tudo aquilo que conhece e nada melhor do que uma pequena terrinha no meio do nada. Um lugar familiar, onde todos se conhecem, estando sempre prontos para prestar auxilio quando necessário. Quando vai para a sua nova casa, o seu querido carro, que nunca antes a havia desiludido, acaba por parar no meio da estrada. Sem saber o que fazer, tem a sorte de encontrar Miles Rattenbury pelo caminho.

Miles é o típico mulherengo que consegue terminar sempre bem os seus casos de uma noite. Sendo uma pessoa divertida e carinhosa com todos aqueles que o conhecem, é uma pessoa adorada na pequena cidade para onde Tess vai morar, porque sim, Miles mora mesmo ao lado de Tess, acabando ambos por se tornarem vizinhos. Mas, apesar de todos dizerem que Miles é um amor de pessoa e alguém em quem se pode confiar, não é assim que este se mostra perante Tess, sendo rude e até mesmo malcriado para a recém chegada, um mal estar que depressa se torna em algo mais.

Este foi um livro que infelizmente tinha as expectativas demasiado elevadas. Li várias críticas fantásticas à autora e a esta história. Chego mesmo a achar que tal foi negativo para a minha decisão final do que achava sobre o livro. Apesar disso, este acaba por ser um livro decente, com uma boa escrita e com personagens que queremos seguir, apesar de não nos prenderem do início ao fim, foi um livro agradável para ler numa tarde mais sossegada. Mas admito que não achei que fosse muito mais que isso. Gostei da personalidade de Tess, achei uma pessoa "real", com problemas que qualquer pessoa tem e que pensa nas suas decisões antes de tomar. Uma pessoa que demora a confiar em alguém, muito possivelmente a já ter sofrido um pouco no passado pelas confianças que tinha depositado em diversas pessoas que conhecia. Por outro lado, Miles é o seu oposto em tudo. É muito mais confiante, tem amigos em todo o lado e não tem medo de arriscar.

O bom deste livro foi ver estas duas personalidades, tão diferentes entre si, a juntarem-se. Este é um livro que dá uso ao ditado "os opostos atraem-se", pois é isso que as personagens principais são, opostos. Claro que no fundo acaba por ser mais uma história sobre uma mulher que acaba com o ex namorado (um relação que acaba mal) e que não conseguido estar perto do ex acaba por mudar-se. Aí conhece outro homem e acaba por se desenvolver algo entre eles, algo que é abalado quando o ex-namorado de Tess volta à carga. Mas apesar de ter esta sinopse que acaba por ser um pouco repetitiva e cliché, a verdade é que é um bom livro.

Um livro que só me desiludiu porque eu tinha expectativas muito elevadas, mas não foi uma desilusão muito "profunda". Continuei a aproveitar a leitura e as personagens que me foram apresentadas, sendo um livro leve e até mesmo divertido. Perfeito para ler agora enquanto se apanham alguns banhos de sol.

0 devaneios :