Quem sou eu?

A minha fotografia

Anteriormente conhecida como v_crazy_girl, a 30 de Agosto de 2014 essa conta foi apagada, tendo assim decidido criar algo mais pessoal e próprio para o blogue literário de longa data.

Na Mesa de Cabeceira...

Na Mesa de Cabeceira...
"Se Eu Fosse Tua" de Meredith Russo

Passatempo

Passatempo
Resultado!!

Seguidores

Com tecnologia do Blogger.

Facebook

Arquivo do Blogue

sábado, 31 de outubro de 2015
Autora: Kass Morgan
Edição/reimpressão: 2015
Páginas: 288
Editor: TopSeller
ISBN: 9789898491992

Sinopse:
Há muito tempo, a superfície da Terra foi arrasada por uma guerra nuclear. Os poucos sortudos que conseguiram sobreviver refugiaram-se a bordo da Colónia, uma estação espacial que orbita o planeta.
Cem anos após ter sido a salvação da Humanidade, a Colónia está em perigo. Os aparelhos que garantem a renovação do oxigénio na estação espacial estão a falhar, e não há como os substituir. A última esperança da Humanidade reside em 100 jovens selecionados entre criminosos, para regressar à superfície da Terra e descobrir se o planeta pode de novo ser habitado.
Depois de tanto tempo, estes serão os primeiros humanos a pisar a Terra. Mas estarão na verdade sozinhos? Terão todos os seres vivos perecido durante o longo inverno nuclear, ou será que algo se esconde nas sombras das grandes florestas que agora cobrem toda a Terra?


Opinião:
Esta capa chamou-me logo a atenção. Afinal de contas a quem é que não chama a atenção uma capa com pessoas a cair do céu? Com cores que apontam para uma história "pós apocalíptica", e sabendo que esta narrativa inspirou uma série de sucesso, não resisti a ler. Acho que o próximo passo é arranjar, ainda não sei bem como, tempo para ir ver a série (que a minha irmã adora e quase me "roubou" o livro quando viu que me tinham emprestado).

A Colónia é um lugar para onde alguns sortudos foram levados quando o mundo está a desmoronar. A humanidade precisava de um lugar para onde fugir e a estação espacial, a Colónia, era o sítio perfeito para isso. Mas acontece que este local tem recursos limitados e os chefes depressa compreendem que a sua melhor hipótese de sobrevivência é regressarem ao planeta Terra, a sua antiga casa. Mas as pessoas não podem simplesmente ser enviadas para um lugar que tinha elevados níveis de radiação e onde era impossível respirar! Assim, arranjam a solução perfeita, enviar aqueles que estavam prestes a ir para o corredor da morte, os presos mais jovens da Colónia.

São cerca de 100 adolescentes com idades inferiores a 20 anos que foram condenados por crimes que nem eles compreendem. Alguns desses adolescentes conheciam-se antes de serem sentenciados e acabam por ter imensa história intercalada, história essa que se desenvolve quando se encontram sozinhos num planeta que fora evacuado por ser inseguro para a saúde e vida humana.

Muito sinceramente, esperava algo mais e culpo a minha irmã por isso. A minha irmã segue religiosamente a série e adora-a!! Dessa forma as minhas expectativas aumentaram exponencialmente e apesar de não ser um mau livro, não é nada demais. A premissa está muito boa e atual, o planeta Terra devido aos maus tratados do ser humano acaba por ter que ser evacuado de forma a permitir a sobrevivência da raça humana. Mas após anos e anos em pleno espaço, é necessário regressar para o planeta Terra, pois os mantimentos estão a terminar e tem-se que arranjar forma de continuar a sobreviver. Do grupo de 100 reclusos existem personagens que se destacam, algumas com histórias mais profundas e muitas delas acabam por estar ligadas. Encontramos personagens que estão ligadas por laços que vamos conhecendo ao longo da narrativa e essa é a verdadeira história do livro, não a descoberta de o planeta Terra estar ou não pronto para ser reabitado.

Existem muitos pormenores que precisam de ser mais desenvolvidos mas, sendo este um livro pertencente a uma coleção, é normal que isso aconteça. Admito que fiquei com curiosidade para saber o que irá acontecer no futuro e como vão desenvolver tanto a parte pessoal do livro como a parte pós apocalíptica. Parece que terei que espera pelo próximo livro para saber. Recomendo para quem gosta do género.

2 devaneios :

Carla M. Soares disse...

Também eu vi toda a primeira temporada e parte da segunda (ainda hei de ver o resto) e gosto bastante da série, mesmo sendo para jovens.. que eu já não sou! Estava curiosa quanto ao livro, mas já não estou tanto. :P

Vanessa Montês disse...

A minha irmã na altura começou a ler e desistiu. Disse-me que a série era melhor :)
Feliz Natal!