Quem sou eu?

A minha fotografia

Anteriormente conhecida como v_crazy_girl, a 30 de Agosto de 2014 essa conta foi apagada, tendo assim decidido criar algo mais pessoal e próprio para o blogue literário de longa data.

Na Mesa de Cabeceira...

Na Mesa de Cabeceira...
"A Derradeira Ilusão" de Diane Chamberlain

Passatempo

Passatempo
Resultado!!

Seguidores

Com tecnologia do Blogger.

Facebook

Arquivo do Blogue

domingo, 17 de abril de 2016
Autora: Jude Deveraux
Edição/reimpressão: 2016
Páginas: 312
Editor: Quinta Essência
ISBN: 9789897413964

Sinopse:
Quando Kim Aldredge tinha oito anos, conheceu um rapaz de doze chamado Travis, que estava de visita à sua cidade natal de Edilean, na Virgínia, com a mãe. Embora essa visita tivesse lugar sob circunstâncias misteriosas, isso não impediu que as crianças se tornassem amigas. Durante duas semanas maravilhosas, andaram de bicicleta, jogaram basebol e leram em voz alta para o outro. Tudo coisas comuns para Kim, mas para Travis bastante extraordinárias. E Travis ajudou Kim a descobrir o seu amor pela criação de jóias, a paixão que se tornou a sua profissão. Antes de partir, ele disse-lhe que um dia iria voltar, e durante anos Kim guardou a foto de ambos, abraçados e sorridentes.
Travis é agora um advogado bem-sucedido em Manhattan, mas há coisas na sua vida que ele não quer tornadas públicas. E embora tenha viajado por todo o mundo, ainda pensa no verão passou em Edilean e na rapariga que lá conheceu. Essas semanas mudaram a sua vida para sempre. Quando Travis descobre que a mãe regressou a Edilean e tenciona voltar a casar, decide que está na hora de voltar também: não apenas para investigar o futuro marido da mãe, mas para finalmente cumprir a promessa que fez a Kim tanto anos antes...


Opinião:
Que capa pacífica. Este foi o primeiro pensamento que cruzou a minha cabeça quando a vi. O azul da água, a estrela cadente, o romantismo inerente... Uma capa lindíssima sem dúvida. E claro que ajuda o facto de que a autora é muito conhecida, por excelentes motivos, uma autora que gosto de ler de vez em quando.

Kim era uma rapariga alegre e divertida quando era nova. Sempre fora livre e sempre fizera o que queria, tendo o apoio e o amor dos pais e de todos aqueles que a rodeavam. Já muitos anos se passaram desde essa altura, mas o momento da sua infância que Kim melhor se lembra foi de quando conhecera Travis. Um rapaz calado e com medo de se mover e fazer asneira. Um rapaz que não sorria e que parecia que tinha medo que brincar. Um rapaz que acabou por florir tornando-se num homem excepcional que também não consegue esquecer aquelas duas semanas maravilhosas. Mas um homem que guarda demasiados segredos do resto do mundo.

A mãe de Travis, separada do seu pai e a tentar ser feliz com outro homem que a adora de morte, regressa à pequena terrinha onde havia deixado o seu filho durante cerca de 2 semanas há tantos anos atrás. Uma terra que a recorda de tempos mais felizes. Quando o filho descobre, decide ir atrás da mãe, pois sabe que precisa de um tempo para pensar e que melhor sítio do que no único lugar onde havia sorrido com sinceridade?

Quando Travis regressa, encontra Kim, a rapariga aventureira e risonha que lhe havia demonstrado o que era a diversão e liberdade. Uma rapariga que tinha agora um negócio próprio muitíssimo próspero. Uma rapariga adorada por todos na pequena terra e que adorava o que fazia, uma paixão que havia descoberto com o rapaz sério que conhecera há tantos anos atrás.

Este acaba por ser um livro querido e adorável que descreve a descoberta dos sonhos e de como vivê-los. Na personagem de Travis encontramos um homem perdido que pensa ter seguido os seus sonhos mas apercebe-se que está mais na sombra do pai do que julgava. Na personagem de Kim encontramos alguém que segue o coração e que faz o que adora, mas que continua a sonhar com o grande amor. Duas personagens que se completam e mostram o quão importante é a amizade e o apoio mútuo. Através dessas características assistimos ao crescimento de ambas as personagens e vemos como se completam na perfeição. Vemos as suas cicatrizes, os seus medos, os seus ódios... E vemos como juntos os conseguem ultrapassar e juntos conseguem perseguir o futuro perfeito.

Um livro que se lê muitíssimo bem, com muito mel mas na quantidade perfeita e não em demasia. Uma boa leitura e que recomendo a qualquer leitor romântico.

1 devaneios :

The Books On My Shelfs disse...

Fiquei apaixonada por essa capa!!! Quero tanto ler esse livro!!!

Convido-a a ir ler o novo post do blog!!
Até lá!!
http://thebooksonmyshelfs.blogspot.pt/