Quem sou eu?

A minha fotografia

Anteriormente conhecida como v_crazy_girl, a 30 de Agosto de 2014 essa conta foi apagada, tendo assim decidido criar algo mais pessoal e próprio para o blogue literário de longa data.

Na Mesa de Cabeceira...

Na Mesa de Cabeceira...
"Prometes Amar-me?" de Monica Murphy

Passatempo

Passatempo
Até 23 de Julho

Seguidores

Com tecnologia do Blogger.

Facebook

Arquivo do Blogue

quinta-feira, 1 de setembro de 2011
Autora: Liane Moriarty
Edição/reimpressão: 2011
Páginas: 424
Editor: Editorial Presença
ISBN: 9789722345354
Coleção: Grandes Narrativas
 
Sinopse:
Quando, aos trinta e nove anos, Alice Love dá uma aparatosa queda numa aula de step, a última década da sua vida parece ter-se apagado por completo da sua memória. Tem novamente 29 anos, está apaixonadíssima pelo marido e à espera do primeiro filho. Só há um pequeno problema: tudo isto se passou há dez anos… No presente, Alice é mãe de três filhos, enfrenta um difícil processo de divórcio e está de relações cortadas com a irmã, que adora. Conseguirá alguma vez reencontrar a mulher que foi na fase mais feliz da sua vida?
 
 
Opinião:
Alice tem 39 anos e é uma apaixonada por desporto. Numa das suas aulas de step dá uma enorme queda batendo com a cabeça. Algo que poderia não ser muito grave, não fosse Alice ao acordar pensar que tem 29 anos!
 
Mas o pior nem é isso. Alice está a ultrapassar um complicado processo de divórcio que incluí a luta pela custódia dos filhos e um grande ódio entre ela e o marido! Algo que aos 29 anos não acontecia, uma idade em que tudo era cor-de-rosa, em que Alice e o marido amavam-se e estavam à espera do seu primeiro filho! A juntar a isto, Alice que se julga grávida do primeiro filho devido à falta de memória, acaba por descobrir que não tem um, mas três filhos! Todos diferentes entre si, mas todos a sofrer igualmente com o processo de divórcio dos pais.
 
A sinopse deste livro já me tinha chamado imenso a atenção e graças à Editorial Presença pude ler este livrinho e descobrir uma autora maravilhosa que tem uma escrita fluída, divertida, nada cansativa e muitíssimo cativante. Adorei como o livro está escrito do ponto de vista das personagens. Sim não personagem, mas personagens! No livro temos o ponto de vista de Alice, numa narrativa em que esta é o narrador de toda a acção, temos também a irmã de Alice, Elizabeth, que escreve cartas para o seu psicólogo e aí desocbrimos imensas coisas sobre ela e a irmã, e também existe a avó "emprestada" de Alice, que escreve um diário online muitíssimo divertido!
 
Através destas personagens ficamos a conhecer a sua maneira de ser, de pensar, os seus passados, os seus medos. As personagens estão todas muitíssimo bem aprofundadas e apresentadas e não são deixadas pontas soltas no decorrer da acção.
 
E atenção! Este não é daqueles livros sobre amnésia pesados e tristes, antes pelo contrário! Enquanto lia o livro ri-me inúmeras vezes! O grande assunto deste livro é como a mudança existe e o maior factor para esta existir é o tempo. E dez anos são muito tempo, como podemos verificar ao conhecer Alice com a sua mentalidade de 29 anos e ao saber de certas atitudes do seu eu de 39 anos.
 
Sem dúvida um livro mágico, super divertido e de leitura fácil que me surpreendeu pela positiva! Super aconselhado!

2 devaneios :

Maria João disse...

Depois de ler o teu comentário pensei este género de escrita é-me familiar... Pois é
Agora que te descobri não vou deixar de acompanhar
Beijo

v_crazy_girl disse...

Eheheh

Ainda bem que gostaste ;)

Bjs*